Todo empreendedor se pergunta como investir em marketing sem gastar muito. Ao mesmo tempo, quer ter a sensação de que não está sendo negligente e realmente está fazendo sua parte.

Quando se fala em investimento de marketing existe uma questão primordial que não deve ser negligenciada. Fazendo isto corretamente, você terá maior segurança ao realizar o seu investimento. CONHEÇA O SEU CLIENTE! Se você quer saber mais sobre como conhecer bem o mercado em que atua e seu público-alvo, sugiro que leia o artigo que trata dos pilares fundamentais para o planejamento das ações de marketing para qualquer empresa.

5-dicas-de-acoes-de-marketing-baratas-e-que-trazem-resultados-para-pequenas-empresas

 

Veja a seguir 5 dicas de como investir em marketing sem gastar muito e ter resultados:

#1. Tenha uma imagem e identidade visual que gere credibilidade
Você já seu deu conta que algumas marcas passam certa credibilidade instantânea mesmo que nunca a tenhamos visto antes? Dizem que quando conhecemos uma pessoa, a primeira impressão é a que fica, e com negócios, não é diferente. Hoje em dia, ter uma logomarca e uma identidade visual profissional está muito mais acessível do que antigamente. Basta fazer um pouco de pesquisa e na própria internet, encontrará ótimos profissionais e fornecedores espalhados por todo o país (e até mundo), que podem entregar um ótimo trabalho. E lembre-se, não imprima os cartões de visita mais baratos que encontrar, afinal, dizem muito mais a respeito de você e seu negócio do que você imagina. Mesmo imprimindo bons cartões de visita, provavelmente será um dos investimentos em marketing mais econômicos que irá encontrar.

Se você tiver uma imagem que num primeiro momento não gera a melhor percepção para o consumidor, você pode até ter gastado pouco, mas isto pode te custar muito caro. Isto porque você pode não ter uma chance para mudar a primeira má impressão causada.

#2. Tenha uma loja atrativa e bem organizada
Tudo começa por uma fachada atrativa que cause impacto e deixe seu negócio bem visível. Não há nada pior do que perder clientes que passam na porta de sua loja com frequência e não tem ideia do que você faz ou que nunca tiveram interesse em entrar em sua loja por ser desorganizada ou não chamar sua atenção. Se você tem ouvido de seus clientes que entram em sua loja pela primeira vez que não tinham ideia de que seu negócio existia, é um forte sinal de que você precisa melhorar sua comunicação visual.

Além da fachada, sua vitrine deve estar bem organizada e chamativa, e se possível, sendo renovada toda semana, chamando a atenção do consumidor para novidades e datas comemorativas como dia dos pais, namorados, natal, etc. Se você tem uma promoção ou liquidação, informe-a para que pedestres e passantes saibam dela.

A distribuição do espaço e produtos também deve estar coerente com as vendas. Se um produto representa 40% das vendas da loja, é coerente que ele tenha um local de destaque e também ocupe uma área de exposição de cerca de 40% dentro de sua loja.

Promova uma boa logística da exposição de produtos, se você comercializa equipamentos
como lavadoras de alta pressão profissional, por exemplo, não deixe que esses
utensílios fiquem de forma espalhada, se o local for pequeno, reserve as ferramentas no
estoque deixando poucas peças para demonstração.

Além disso, outros elementos como um som ambiente compatível com o gosto dos clientes, um cheiro agradável e iluminação adequadas, podem transformar totalmente a atmosfera do ambiente. Talvez você não possa contratar um consultor, mas certamente pode visitar um líder ou referência de seu setor e ver o que eles estão fazendo, certo? Se não tiver verba para mobiliários e decoração, nada que um pouco de criatividade também não resolva.

#3. Utilize a internet
Nos dias de hoje, a internet é um dos meios de comunicação mais econômicos frente a outros, podendo trazer excelentes resultados. Estar presente nas redes sociais, guias e listas pode não custar nada, além do tempo de dedicação alocado e ter um site também tem custos bem acessíveis. É através da internet que acontece o boca-a-boca nos dias de hoje e estar bem posicionado com um bom site, nas redes sociais e ter uma lista atualizada de e-mails de seus clientes, pode te render muitos negócios e o relacionamento e estímulo constante, farão com que voltem sempre.

Até porque, com os avanços tecnológicos houve uma alteração muito grande na forma de
consumo, e hoje em dia, mesmo que não seja o local de compra final, é comum que as
pessoas façam pesquisas sobre algum produto ou serviço que desejam para comparar
valores, modelos, marcas ou empresas. Ou seja, caso você ofereça serviços de
manutenção de ponte rolante, por exemplo, estar na internet otimiza a busca dos seus
clientes pelo seu serviço.

Veja também o artigo anterior “Como pequenas empresas podem ter bons resultados em marketing gastando pouco” clicando aqui.

#4. Incentive seus vendedores a serem mais ativos
Muita gente simplesmente abre a sua loja pela manhã e espera os clientes chegarem. Enquanto os clientes não chegam os vendedores ficam simplesmente batendo papo entre eles ou entretidos seus smartphones. Já parou para pensar que este tempo poderia ser utilizado para que eles estivessem enviando e-mails ou mesmo ligando para os melhores clientes da loja, informando sobre promoções e novidades? Além disso, ferramentas de comunicação modernas como WhatsApp podem ser bem eficientes para a comunicação com seus clientes. Mas cuidado para não ser chato ou intrusivo. Muitas pessoas simplesmente não querem ser “incomodadas” com mensagens de seu negócio em seu smartphone pessoal. Então antes de sair mandando mensagens e promoções, pergunte a seus clientes se eles gostariam de manter um contato por este canal.

#5. Invista na fidelização de seus clientes
Com a quantidade de propaganda e informações que somos expostos nos dias de hoje, é difícil que algo realmente nos prenda a atenção. Qual foi a última vez que você viu uma propaganda pela primeira vez e decidiu visitar uma nova loja? Além disso, para ter clientes fiéis, não basta ter produtos e serviços de qualidade ou um bom preço. Muitas vezes é preciso mais do que isso para que o cliente continue retornando. Sendo assim, investir na fidelização de clientes, tornou-se cada vez mais importante, além de ser mais barato e efetivo investir nos clientes que você já tem, do que atrair novos consumidores.

Ou seja, suponhamos que você comercialize tubo de cobre 3 8, por exemplo, uma ótima
medida de fidelização nesse caso poderia ser a realização de programas de cashbacks, em
forma de crédito ou porcentagem de desconto para a próxima compra unificado com um
atendimento personalizado para seus clientes, fazendo com que sintam-se especiais.

O primeiro passo para fidelizar seus clientes é você saber que são eles. Para saber quem são eles, você precisa ter um cadastro deles, com seu histórico de compras e seus dados de contato. Como a menor parte dos clientes gera a maior parte do faturamento em qualquer varejo, você precisa identificar quem são seus melhores clientes, para que possa oferecer um atendimento diferenciado. É importante ainda ouvir suas reclamações e sugestões, para continuar tendo-os como clientes fidelizados.

Você pode ainda investir em diversas ações promocionais para aqueles que já frequentam seu negócio, seja com um cupom de desconto para a próxima compra, promoções exclusivas ou mesmo criar um programa de fidelidade para seu negócio.

Vitor Kosaka

programa-de-fidelidade-para-pequenas-empresas

Comentários

comentários