Os programas de fidelidade vêm sendo adotados nos mais diversos tipos de empreendimentos como ferramenta para atrair e reter consumidores, contribuindo para que as empresas melhorem sua performance no mercado e aumentem seu faturamento.

As estratégias de fidelidade apresentam como principal atrativo as premiações e vantagens oferecidas pela empresa aos clientes, com os quais mantém um bom relacionamento. Apesar de parecer simples, a implantação de um programa de fidelidade pode surtir o efeito contrário do desejado caso não seja planejada de forma estratégica. Entenda como fugir dos principais erros na implementação do seu programa de fidelização:

Untitled design (79)

1. Conheça seu cliente

O sucesso de um programa de fidelização de clientes depende muito da entrega de prêmios e vantagens realmente atrativas e interessantes para o cliente. E como saber quais prêmios oferecer sem conhece-los, entender suas demandas e desejos? Conhecer o público com o qual seu empreendimento trabalha é essencial para a implantação de um programa de fidelidade de sucesso.

Para tal, é fundamental manter um cadastro atualizado, com informações como idade, endereço, sexo, profissão, hobbies, estado civil, e outras que considerar importantes. A associação de aplicativos e páginas na internet com as redes sociais também pode ser uma ótima solução, oferecendo um cadastro rico em informações sobre os interesses dos seus clientes.

2. Treine sua equipe de vendas

O engajamento da equipe de vendas com relação ao programa de fidelidade é essencial para o seu sucesso, já que esta se encontra diariamente em contato com o público e é capaz de perceber seus padrões de consumo, ou seja, o que procuram, por quais produtos se interessam, quais são suas motivações.

Além disso, a implantação de um programa de fidelidade depende do seu oferecimento para os clientes no momento da venda, bem como da atualização do cadastro destes. Para tal, o treinamento da equipe de vendas é fundamental, garantindo que o programa será oferecido e apresentado ao público de forma correta.

3. Analise os custos do programa

Um dos grandes erros dos empreendedores ao implementar um programa de fidelidade é não levar em consideração o impacto deste nas finanças do seu negócio. Um programa de fidelização tem como base a premiação dos clientes fiéis quando estes geram lucro para a empresa, assim, é essencial estar atento à evolução deste lucro, e investir em quantias e valores corretos para as premiações.

Em outras palavras, é essencial analisar a sustentabilidade do programa de fidelidade para o negócio, entendendo-o não como uma promoção, mas como algo em longo prazo.

4. Mantenha a taxa de adesão

Quanto maiores as taxas de adesão, mais atrativos se tornam os programas de fidelidade para as empresas, já que quanto mais pessoas “disputando” uma recompensa, maior o lucro desta. Assim, é preciso evitar o ciclo vicioso decorrente da falta de adesão: programas de fidelidade com baixa adesão não são capazes de oferecer prêmios atrativos, fazendo que a adesão se mantenha baixa. Daí a importância de conhecer seus clientes e oferecer recompensas atrativas e interessantes.

5. Contrate uma empresa especializada

Apesar de parecer simples, a implementação de um programa de fidelidade requer soluções personalizadas a fim de garantir resultados para o seu empreendimento. Para tal, contratar uma empresa especializada é uma excelente solução.

FideliZi oferece para seus clientes uma forma diferente e inteligente de fidelização e gerenciamentos de programas de fidelidade, através de uma solução customizada, simples e de fácil interação para seus clientes. Conheça mais sobre o FideliZiI e entre em contato conosco para uma consultoria personalizada!

E você, como vem evitando estes erros no seu programa de fidelidade? Compartilhe suas experiências conosco nos comentários!

programa-de-fidelidade-para-pequenas-empresas

Comentários

comentários