Independentemente do porte da empresa ou do setor em que esta atua, em toda venda de um produto ou serviço existe atrelado um faturamento. Para realizar um planejamento financeiro, elaborar o orçamento, e até mesmo tomar decisões importantes para a empresa, como planejar futuros investimentos ou contratar mais colaboradores, é fundamental que o empreendedor tenha uma noção clara de sua previsão de vendas e projeção de faturamento.

Também conhecida como previsão de caixa, esta análise consiste em uma estimativa do faturamento do estabelecimento em períodos próximos, sejam eles meses, semestres ou anos. Entenda o que é a previsão de vendas, sua importância e como realizar esta estimativa para o seu negócio.

Por que realizar a previsão de caixa da sua empresa?

Para quem está começando um negócio agora, a estimativa de faturamento da empresa pode ser solicitada por instituições financeiras e fornecedores como forma de realizar uma pré-avaliação. Também para o empreendedor esta avaliação é importante, permitindo mensurar os custos do negócio, garantir o pagamento de seus gastos e a remuneração de seus colaboradores e visar novos investimentos.

Para as empresas que já estão operando, realizar a previsão de caixa é uma excelente forma de avaliar os canais de distribuição utilizados e planejar expansões, seja em sua estrutura física, de seu quadro de funcionários, etc. A previsão do faturamento de uma empresa oferece instrumentos e indicadores para que o empreendedor avalie a situação do seu negócio do ponto de vista das melhorias que podem ser implementadas e da geração de lucros para equilibrar gastos fixos.

Como realizar a previsão de faturamento da sua empresa?

Para empresas que estão começando, realizar uma previsão de faturamento pode não ser uma tarefa simples. É importante que o empreendedor esteja atento à situação do mercado em que seu negócio está inserido. Quais são os preços cobrados pela concorrência? Há sazonalidade nas vendas? Qual é o público-alvo que pretende atingir?

Todas estas variáveis mercadológicas devem ser consideradas de forma a se estimar o volume de vendas, os preços cobrados por produtos e serviços e faturamento previsto. Para as empresas que já estão atuando há algum tempo, a previsão de caixa pode ser realizada com base em dados de períodos anteriores, caso estejam devidamente atualizados e organizados. Entenda melhor como realizar este processo na sua empresa:

1. Conheça seus canais de distribuição

Para se obter uma estimativa do faturamento da sua empresa em determinado período de tempo, é fundamental que sejam considerados todos os canais de distribuição utilizados por esta para vender seus produtos e serviços. Os tipos de canais variam de acordo com o modelo de negócio, podendo ser lojas físicas, comércio virtual, revendedores, distribuidores, etc. Este é um bom momento para avaliar também os canais utilizados pela empresa: será que todos eles estão trazendo os resultados esperados? Vale a pena investir em novos canais de distribuição?

2. Relacione os produtos comercializados

O passo seguinte é criar uma relação onde constem todos os itens comercializados pela empresa em seu catálogo de vendas. Para tal, é interessante dividir os produtos em subcategorias que facilitem a análise das vendas.

3. Estimativa das vendas

Para cada produto listado no passo anterior, devem ser determinadas também as quantidades vendidas no período considerado. É interessante, para esta etapa, contar com o auxílio da equipe comercial ou de vendas: em contato direto com o cliente, estes profissionais conhecem as necessidades do público, e são, portanto, fundamentais para determinar quanto cada produto oferecido pela empresa deve ser vendido.

Para empresas em funcionamento, é interessante manter um histórico de vendas que sirva como base para as projeções de faturamento. Estes relatórios permitem ao empreendedor determinar padrões para a comercialização de seus produtos, principalmente no que se refere à sazonalidade das vendas, em épocas como o Natal ou as férias.

4. Preço de vendas

Determinadas as projeções de venda para cada produto, este valor é, então, multiplicado pelo preço de venda dos mesmos. Obtém-se, assim, a projeção de faturamento da empresa para o período estudado.

Como se pôde perceber, realizar a previsão de caixa de uma empresa pode ser muito mais simples a partir de históricos de venda organizados e atualizados. Uma boa dica para tal são os softwares de gerenciamento disponibilizados no mercado. Com versões gratuitas, estas ferramentas criam automaticamente relatórios de faturamento que permitem uma previsão de caixa mais precisa e uma tomada de decisões mais assertiva.

O FideliZi é um sistema de fidelização de clientes que, além das vantagens da fidelização, oferece ao empreendedor informações valiosas sobre seus clientes e o padrão de consume dos mesmos. Através do FideliZi é possível obter relatórios com dados como ticket médio do consumidor, produtos comprados a cada visita ao estabelecimento, número de vezes em que realizou compras, etc. Conheça o FideliZi e os benefícios que um programa de fidelização podem trazer para o aumento das vendas no seu negócio e para o controle e gerenciamento destas.

Como você realiza a previsão de caixa da sua empresa? Compartilhe suas experiências conosco nos comentários!

Comentários

comentários